Mostra de Cinema de SP completa 40 anos com 322 filmes

William Friedkin, Ingmar Bergman e Paolo Sorrentino são alguns dos destaques

por

09 de outubro de 2016

40mostraposter2016-alta2Um dos poucos eventos longevos do país, a Mostra Internacional de Cinema de São Paulo chega a sua 40ª edição. Em coletiva, Renata de Almeida, diretora do evento, comentou a programação que começa no próximo dia 20.

Entre os cineastas que terão produções na Mostra, os destaques ficam para Marco Bellochio, William Friedkin, Paolo Sorrentino, Paul Verhoeven, Tom Ford e os Irmãos Dardenne. “Pensei que não poderíamos ter uma Mostra à altura dos 40 anos por conta do que vem acontecendo, mas graças a presença dos apoiadores, pudemos fazer uma mostra forte, com 322 filme e com muitos diretores que a gente admira”, falou Renata. ““Somos mais racionais. Hoje eu sei exatamente o quanto custa trazer um filme para a mostra, os custos de tradução, transporte e etc. Ainda assim permitimos que alguns artistas entrem de última hora (referindo-se a Paolo Sorrentino que foi confirmado apenas 48 horas antes da coletiva)”.

o-jovem-papaO italiano Marco Bellocchio é o diretor responsável pela arte do cartaz deste edição, que foi inspirado em seu longa-metragem Bom Dia, Noite. Um dos homenageados é William Friedkin que terá uma retrospectiva com sete de seus filmes. Além de uma masterclass, no Cinearte, no dia 22 de outubro, após a apresentação especial do filme “Operação França (The French Connection)”, que comemora 45 anos. Na sequência será exibido “O Exorcista”, que apesar de ser um dos maiores clássicos de terror, não foi produzido para ser de gênero e foi o primeiro de terror indicado ao Oscar na categoria Melhor Filme. A homenagem ao diretor é uma parceria da 40ª Mostra com o produtor Rodrigo Teixeira, da RT Features.

the-french-connectionUma das iniciativas deste ano é a parceria com a recém criada SP Cine, órgão de incentivo ao cinema criado pela prefeitura de SP. Seu diretor, Alfredo Manevy, anunciou a entrega de dois prêmios (Um de R$ 35 mil para o longa de ficção e outro de R$ 15 mil para documentário). Longas da Mostra circularão em todas as salas do circuito da SPcine, que inclui quinze CEUs, além de outros espaços voltados à periferia.

animais-noturnosDuas atrações do Festival de Veneza marcam presença na 40ª Mostra, os dois primeiros episódios da série “O Jovem Papa“, de Paolo Sorrentino, com Jude Law e Diane Keaton, e “Animais Noturnos”, de Tom Ford. Este último, vencedor do Grande Prêmio do Júri e uma obra prima da narrativa (além de um visualmente instigante e com uma arrebatadora atuação de Amy Adams). A trama, que tem uma influência Hitchcockiana, retrata Susan (Amy Adams), uma galerista que recebe um manuscrito do seu ex-marido, Tony (Jake Gyllenhaal), que não vê há 20 anos. Aos poucos, o mundo de Susan e o do manuscrito começam a se espelhar. Um filme rico em nuances e sobreposições da trama.

birth-of-a-nationOutros eventos acontecerão na 40ª Mostra, como a exposição Por trás da Máscara: 50 anos de Persona, em cartaz de 15/10 a 6/11 no Itaú Cultural, quecultua Ingmar Bergman, um dos ícones do cinema. A mostra revela os bastidores de Persona, um dos longas mais importantes do diretor. Outro filme que merece destaque é “The Birth Of A Nation”, de Nate Parker, e um dos destaques e vencedor do Sundance Film Festival deste ano. A Mostra terá seu encerramento oficial com a exibição ao ar livre da cópia restaurada de “A General” (1926), de Buster Keaton, no dia 2 de novembro, às 20h, no parque do Ibirapuera.