A Espiã que Sabia de Menos

por

07 de junho de 2015

A dobradinha Melissa McCarthy e Paul Feig está dando bons resultados. Depois do bem sucedido “Missão Madrinha de Casamento” (2011) e do exagerado “As Bem Armadas” (2013), a dupla está de volta em A Espiã que Sabia de Menos (Spy), uma paródia aos filmes de espionagem com todos os clichês do gênero.

 

spy05

Uma atendente da Cia, Susan Cooper (Melissa McCarthy) é transformada em uma versão feminina de James Bond ao se oferecer voluntariamente para desbaratar uma organização criminosa que pretende adquirir uma bomba nuclear. A atrapalhada Susan se infiltra no perigoso submundo da espionagem internacional contando com ajuda de seus colegas e de seus dotes poucos ortodoxos.

A visão feminina (ou feminista) de que a mulher é tão ou mais competente que o homem é sempre muito bem vinda em tramas masculinas, mas em A Espiã que Sabia de Menos (Spy) somente aquelas que não foram contempladas com belos atributos físicos, são merecedoras de recompensa.

 

spy04

O roteiro escrito sob medida para a atriz pelo próprio Feig brinca com esta referencia o tempo todo sem provocar muitas surpresas. O protótipo da gordinha desajeitada já um clássico no gênero e a silhueta de Melissa é intensamente explorada em situações absurdas rendendo algumas boas piadas, mas existe algo neste filme que o impede de ir adiante.

 

spy06

 

Diferente de Mel Brooks que conseguia manipular os sutis códigos narrativos das paródias e transformá-las em algo realmente engraçado (Alta Ansiedade, Banzé no Oeste e O Jovem Frankenstein), Feig ainda acredita que o exagero é a chave para o sucesso. Apesar de estar muito mais contido, evitando os habituais eventos escatológicos, a proposta deste filme fica um pouco prejudicada por algumas sequências inacabadas e um excesso de personagens coadjuvantes tão (ou mais) abobalhados que Susan. Jason Statham, por exemplo, força uma barra na pele do desengonçado agente Rick Ford, visivelmente fora de sua zona de conforto.

 

Mas apesar de alguns pequenos (e nada incômodos) defeitos, A Espiã que Sabia de Menos (Spy) cumpre bem o seu papel e demonstra a maturidade desta dupla que deverá atingir seu ápice com o remake do cultuado Ghostbusters para 2016.

 

A Espiã que Sabia de Menos (Spy)

Eua, 2015. 120 min.

Direção: Paul Feig

Com: Melissa McCarthy, Jude Law, Rose Byrne, Jason Statham


Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/almanaquevirtual/www/wp-content/themes/almanaque/single.php on line 52