Almodóvar e Banderas: Na mesa com Madonna

Como uma noite com Madonna se transformou de sonho a pesadelo para os dois nomes de peso espanhóis

por

15 de abril de 2020

Pedro Almodóvar e Antonio Banderas foram “tratados como simplórios” por Madonna em um jantar nos anos 90… Via The Playlist (e Indiewire) por Charles Barfield, e tradução por Filippo Pitanga.

Na teoria, um jantar com Madonna teria que ser um evento memorável, não importando a situação, certo? No entanto, para o aclamado cineasta Pedro Almodóvar, seu jantar mais famoso com Madonna se transformou em uma noite que ele gostaria de esquecer, ou pelo menos uma situação que ele gostaria de esclarecer. Em uma nova coluna no IndieWire, Almodóvar descreve um dos jantares mais constrangedores que se possa imaginar, onde ele, Madonna e o futuro ator Antonio Banderas, jantaram e compartilharam conversas. No entanto, o jantar seria posteriormente editado para um filme intitulado “Verdade ou Consequência” e pintaria um quadro não tão lisonjeiro da noite. O cineasta define o cenário, enquanto descreve como organizou um enorme jantar para Madonna enquanto ela estava em Madri. No entanto, como lembra Almodóvar, “… ela já havia me deixado muito claro que, além de mim, só estava interessada em conhecer outro convidado, Antonio Banderas”. Assim, enquanto o jantar começa, Madonna senta-se com Banderas de um lado, Almodóvar do outro, com a esposa do ator, Ana Leza, enviada para outra mesa distante. Foi quando o cineasta percebeu que Madonna tinha uma equipe de filmagem lá, coletando imagens para o que mais tarde seria o documentário “Verdade ou Desafio”. “O assédio de Antonio foi uma das principais histórias e ela, obviamente, editou como despachou Ana Leza com apenas uma frase. No final do jantar, Ana ousou se aproximar da nossa mesa e disse sarcasticamente à loira divina: ‘Vejo você como meu marido, não me surpreende, todas as mulheres como ele, mas não me importo porque eu sou muito moderno. ”Ao que Madonna respondeu: ‘Se perca’.”

Foi quando a conversa ficou estranha.

“Em algum momento do jantar, Madonna me disse: ‘Pergunte a Antonio se ele gosta de bater em mulheres (eu juro que era assim)”, disse o diretor. Eu traduzi para ele. Antonio não diz nada. Ele murmura e faz uma careta como se dissesse: ‘Sou um cavalheiro espanhol e farei o que uma dama me pedir para fazer’. Para mim, foi um silêncio e um gesto eloquentes. Mas Madonna queria mais.
Depois de pressionar Banderas ainda mais, seguiu-se mais constrangimento. Mas, aparentemente, nada disso chegou ao filme, pintando uma imagem muito diferente da noite. Almodóvar disse: “E tinha que haver uma pandemia para o mundo saber como era o jantar na realidade”.

“Tudo isso pode parecer frívolo, e é … Mas a memória é tão absurda ao selecionar as coisas”, acrescentou. “Não me importo se isso parece um acerto de contas, se tivesse sido o contrário (eu filmando Madonna e sua equipe e fazendo um filme com todo esse material que eu estrearia no mundo todo). levado tal golpe na forma de um processo que eu ainda estaria me recuperando. Madonna nos tratou como simplórios e eu tive que dizer isso um dia. Ela não pediu permissão para usar nossas imagens e até me apelidou, porque meu inglês não deve ter sido tão bom. ”
Tudo bem, talvez nem sempre seja uma boa ideia jantar com Madonna.

https://theplaylist.net/pedro-almodovar-antonio-banderas-madonna-20200410/

20091010-madonna-penelope-cruz-pedro-almodovar-05