Almodóvar fala de novo filme: Silencio

por

07 de janeiro de 2015

Almodóvar fala em entrevista ao ‘Financial Times’ sobre seu mais novo filme “Silencio” e por que não teria chamado até agora seus costumeiros atores-assinatura, como Penélope Cruz, Carmem Maura ou Antonio Banderas: “No momento, nós estamos ocupados com a construção do elenco. Está sendo complicado porque os personagens que escrevi não parecem funcionar com meus atores amigos“.

pedro-almodovar

O grande cineasta ainda comentou: “Escolhemos esse nome por ser o elemento principal que impulsiona as coisas ruins que acontecem com a protagonista. O filme será meu retorno ao cinema das mulheres, de grandes protagonistas femininas, e será um drama contundente, o que me empolga muito”.

Pedro Almodovar

Diretor de clássicos do cinema moderno como “Fale com Ela”, “Tudo sobre minha Mãe” ou “Mulheres à Beira de um Ataque de Nervos”, entre tantos outros, rebateu as críticas a seu último filme, a comédia rasgada “Os Amantes Passageiros”, pois foi um resgate de seus primórdios mais anárquicos e irreverentes: “De uma forma geral, a comédia é considerada um gênero menos valorizado. Mas acho que é exatamente o contrário: é um estilo superior de cinema, especialmente da maneira que Ernst Lubitsch ou Billy Wilder fizeram”.

download

E sobre a oferta que havia recebido de dirigir o hoje notório cult “O Segredo de Brokeback Mountain” antes de Ang Lee, ele foi assertivo: “Quando penso nisso, eu não sei se cometi um erro ou não (ao recusar o convite, feito anteriormente ao de Lee). Eles me prometeram liberdade artística total e a edição final, mas a história era física demais e isso tinha que estar lá, no roteiro final. Acho que Ang Lee fez o melhor que podia e eu gostei muito de sua versão. Mas eu sempre imaginei a história de uma maneira diferente e não acho que poderia contá-la como queria. Eles não teriam permitido”

Fonte: Financial Times e O Globo