Anima Mundi Anuncia Premiados Pelo Júri Popular No Encerramento Do Festival Em SP

Confira os premiados no Anima Mundi 2018

por

06 de agosto de 2018

Filmes “The Breadwinner” e o nacional “Tito e os Pássaros” foram eleitos Melhor Longa e Melhor Longa Infantil da edição de 2018

Chega ao fim o Anima Mundi 2018, edição superespecial de 26 anos. Ao longo de 14 dias, cerca de 40 mil pessoas passaram pelo Anima Mundi nas capitais carioca e paulistana. Na cerimônia de encerramento, que terminou há pouco no Memorial da América Latina, em São Paulo, os diretores Aída Queiroz, Cesar Coelho, Léa Zagury e Marcos Magalhães anunciaram os vencedores eleitos pelo Júri Popular nas categorias: Melhor Curta de Estudante, Melhor Curta Infantil; Melhor Curta Brasileiro e Melhor Curta. Os longas-metragens foram premiados pela média da votação dos públicos de Rio de Janeiro e São Paulo, com um prêmio único para cada categoria: Melhor Longa Infantil e Melhor Longa.

O vencedor do Prêmio de Melhor Longa foi para “The Breadwinner”. O filme é uma coprodução entre Canadá, Irlanda e Luxemburgo, com direção de Nora Twomey e roteiro de Anita Doron. A produção narra a história de Parvana, uma jovem que vive em um Afeganistão governado pelas forças do Talibã. Quando seu pai é preso de maneira injusta, ela precisa se disfarçar de menino para trabalhar e garantir o sustento de sua família.

Já  “Tito e os Pássaros”, filme nacional dirigido por Gustavo Steinberg, Gabriel Bitar e André Catoso Dias, foi eleito o Melhor Longa Infantil. Na produção, o menino Tito é responsável, junto com seu pai, por achar a cura para uma doença que é contraída após a pessoa tomar um susto.

A programação desta edição reuniu longas e curtas para adultos, jovens e crianças de todas as idades, além de debates com ilustres convidados internacionais, exibições de videoclipes, séries para TV, exposições, games, conteúdos em realidade virtual e 360° e oficinas. Depois de reunir mais de 30 mil pessoas no Rio entre os dias 21 e 29 de julho, o festival aportou em São Paulo, de 1º a 5 de agosto, com atrações exclusivas, como a masterclass do americano Kevin O´Brien, conhecido por seu trabalho como storyboard artist em Os Simpsons, A Era do Gelo (Blue Sky) e, na Pixar, onde está há 18 anos, em Os Incríveis 1 e 2, Carros e Wall-E, entre outros.

O Festival Anima Mundi é apresentado pelo Ministério da Cultura, Secretaria de Estado da Cultura do Rio de Janeiro, Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, Secretaria Municipal de Cultura e Petrobras. O evento conta com o patrocínio prata do Centro Cultural Banco do Brasil, patrocínio bronze do BNDES, Ambev, Apex e Oi. Os patrocinadores são: LiQ, Circuito Spcine – Centro Cultural São Paulo, Prefeitura de São Paulo, Rio Filme, Governo do Rio de Janeiro, Secretaria de Cultura e Firjan. Além dos patrocinadores o evento tem o apoio institucional dos seguintes parceiros: Instituto Odeon, Centro Cultural Correios, Casa França – Brasil, Centro Cultural São Paulo, Memorial da América Latina e Jleiva Cultura & Esporte. O evento tem como parceiro de negócio o Sebrae e apoio da Faber Castell.

 

PREMIAÇÃO ANIMA MUNDI SÃO PAULO 2018:

JÚRI POPULAR:

Melhor Longa (R$ 5 mil) – The Breadwinner
Melhor Longa Infantil (R$ 5 mil) – Tito e os Pássaros
Melhor Curta (R$ 10 mil) – Happiness
Melhor Curta Brasileiro (R$ 8 mil) – O Homem na Caixa
Melhor Curta Infantil (R$ 5 mil) – Lé com Cré
Melhor Curta de Estudante (R$ 4 mil) – ENOUGH