As Aventuras do Avião Vermelho

por

04 de dezembro de 2014

Baseado no livro homônimo de Érico Veríssimo escrito em 1936, “As Aventuras do Avião Vermelho” é o longa-metragem animado de estreia dos gaúchos Frederico Pinto – produtor, diretor de arte (“Eu e Meu Guarda-Chuva” e “VIPs”) e diretor de curtas como “Os Olhos do Pianista” e “Foi Onde Deu Pra Chegar de Bicicleta” – e José Maia, animador com mais de 30 anos de experiência. Repetindo a parceria do curta “Docinhos”, Pinto e Maia dão vida à história de Fernadinho, um solitário menino de 8 anos que acaba de perder a mãe e tem um pai ausente. Sem amigos, Fernandinho “toca o terror” em casa e na escola, até que encontra num livro antigo dado por seu pai o entusiasmo que faltava em sua vida. Junto com seu boneco Chocolate e seu urso de pelúcia Ursinho, o menino embarca no Avião Vermelho rumo a uma aventura para salvar o Capitão Tormenta, personagem do livro que ficou preso no Kamchatka, e dá asas à sua imaginação. Durante a peripécia, o trio aventureiro visita a Lua, onde conhecem curiosos seres com capacetes que falam de trás para frente, mergulham no fundo do mar, e viajam pela África, Índia, China e Rússia.

AventurasAviaoVermelho4

Pelo fato de a história ser bastante antiga, foi necessária uma adaptação para que ela se comunicasse melhor com as crianças de hoje em dia. Assim, o roteiro de Camila Gonzatto, Frederico Pinto e Emiliano Urbim ganhou novos elementos que remetem a um tempo mais atual, como um computador e fantasias de personagens como Chapolin, Wolverine, Darth Vader e Menino Maluquinho, que Fernandinho experimenta antes de partir em sua busca. Após provar tantas fantasias, ele percebe que a melhor roupa que poderia escolher para se aventurar era a mais simples, que mostrava seu verdadeiro espírito, do mesmo modo que seu pai ao lhe dar um livro que já foi seu na infância, depois de fracassar nas tentativas anteriores de presentes caros, mas tão impessoais. É justamente aí que reside a principal mensagem do filme: a importância da interação dos pais com seus filhos e as consequências da falta dela na vida da criança, do ambiente que a cerca e também de toda a família. Num patamar significativo logo abaixo, o longa aborda a importância do estímulo à imaginação dos pequenos e o papel fundamental que a leitura exerce sobre tal, além da representatividade da amizade e do convívio com outras crianças através da figura de Chocolate e Ursinho.

AventurasAviaoVermelho9

Com uma prévia exibida no Festival Internacional de Cinema de Animação de Annecy (França) e no BUFF Film Festival de Malmö (Suécia), “As Aventuras do Avião Vermelho” cumpre com a sua proposta e consegue levar toda a característica lúdica do livro de Veríssimo para as telas, numa mistura de desenho animado 2D com algumas introduções de movimentos em animação digital 3D bastante interessantes, já que não precisam de óculos especiais para serem vistos. O excelente trabalho de dublagem é outro ponto que merece destaque, com as vozes de Lázaro Ramos (Chocolate), Wandi Doratiotto (Ursinho), Milton Gonçalves (Avião Vermelho), Zezeh Barbosa (Josefina), Pedro Yan (Fernadinho) e Sérgio Lulkin (pai). Os traços fortes e detalhados dos personagens e objetos próximos aos mesmos, e os cenários que parecem uma combinação de pintura aquarela e giz pastel já indicam qual o foco da trama: as pessoas. Diferente da animação da Disney “Aviões” (2013), cuja realidade é composta apenas por veículos de diferentes naturezas que se relacionam e sentem como os seres humanos, aqui o Avião Vermelho é somente o meio – é um transporte falante para um “universo” novo, em que a imaginação e a relação entre pai e filho são as protagonistas. Apesar do enorme tom didático que o filme possui, o seu enredo relevante ao mundo moderno em que vivemos acaba por envolver o público de todas as idades. Os 10 anos de trabalho na cidade de Porto Alegre (de onde já saíram ótimas animações como “Uma História de Amor e Fúria”, de Luiz Bolognesi) renderam um filme que vai cativar as crianças e trazer nostalgia e reflexão à tona para os adultos. Com direito a uma cena pós-créditos, “As Aventuras do Avião Vermelho” é diversão com conteúdo para toda a família.

 

As Aventuras do Avião Vermelho

Brasil – 2014. 78 minutos.

Direção: Frederico Pinto e José Maia

Com: Lázaro Ramos, Wandi Doratiotto, Milton Gonçalves, Zezeh Barbosa, Pedro Yan e Sérgio Lulkin.


Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/almanaquevirtual/www/wp-content/themes/almanaque/single.php on line 52