Começam as filmagens de “Turma da Mônica – Laços”

Monica Iozzi e Paulo Vilhena estão confirmados no elenco do primeiro live-action com os personagens clássicos criados por Mauricio de Sousa

por

13 de junho de 2018

Nesta semana começam no sul de Minas Gerais as filmagens de “Turma da Mônica – Laços”, dirigido por Daniel Rezende (“Bingo, o Rei das Manhãs”) e produzido pela Biônica Filmes, Quintal Digital e Latina Estúdios. A adaptação dos premiados quadrinhos homônimos da Graphic MSP, também terá cenas rodadas no interior de São Paulo e conta as aventuras de Mônica, Cebolinha, Cascão e Magali para encontrar o cão Floquinho.

thumbnail

“Como seria essa turminha se ela existisse de verdade? Essa foi a pergunta que deu início ao processo de adaptação do filme ‘Turma da Mônica – Laços’. Filmes são acima de tudo personagens. Queremos gostar, torcer e ser impactados por eles. A responsabilidade de transformar em carne e osso os maiores, melhores e mais famosos personagens da cultura pop brasileira é enorme”, conta o diretor Daniel Rezende.

“‘Turma da Mônica – Laços’ é um filme para toda a família, que pode aquecer o coração de gerações e gerações que cresceram com essa turminha. Estamos empenhados em trazer toda a emoção e aventura para a tela do cinema, desta vez com os personagens no mundo real”, explica a produtora Bianca Villar.

No elenco principal, além dos atores-mirins escolhidos para representar a turminha – Giulia Benite como Mônica, Kevin Vechiatto como Cebolinha, Laura Rauseo como Magali, Gabriel Moreira como Cascão – também estão confirmados: Monica Iozzi como a Dona Lourdinha, Paulo Vilhena como seu Cebola e Ravel Cabral como Homem do saco.

“Turma da Mônica – Laços” é baseado na obra homônima lançada em 2013 pelos irmãos Vitor e Lu Cafaggi, que se tornou a graphic novel brasileira mais vendida do país. O primeiro live-action da Turma da Mônica é uma produção da Biônica Filmes, Quintal Digital e Latina Estúdios, em coprodução com Mauricio de Sousa Produções, Paris Filmes e Paramount Pictures.  A Paris Filmes está à frente da distribuição. As filmagens seguem até o final de julho.

“Começamos a semana com emoção e coração aos pulos, principalmente o meu. Ao mesmo tempo que me emociono, sinto confiança nesta grande equipe que se formou para esta produção que é assinada pelo Daniel Rezende”, fala o desenhista e criador da Turma da Mônica, Mauricio de Sousa.

“Depois de passarmos pelo processo de seleção das crianças que darão vida à Mônica, Magali, Cebolinha e Cascão, anunciamos agora com muita alegria o início das filmagens de Laços. Estamos entusiasmados e esperamos que o público acompanhe conosco todas as novidades até o lançamento de nossa primeira estreia em live-action nos cinemas”, comenta Mônica Sousa, diretora executiva da Mauricio de Sousa Produções.

Ficha técnica

Produção: Biônica Filmes, Quintal Digital e Latina Estúdios

Coprodução: Maurício de Sousa Produções, Paris Filmes e Paramount Pictures.

Direção: Daniel Rezende

Produção: Bianca Villar, Fernando Fraiha, Karen Castanho, Cassio Pardini, Cao Quintas e Charles Miranda.

Produção Executiva: Bianca Villar

Roteiro: Thiago Dottori,  adaptação da graphic novel “Turma da Mônica – Laços”, de Vitor e Lu Cafaggi

Fotografia: Azul Serra

Direção de Arte: Cassio Amarante (concepção) e Mariana Falvo (execução)

Elenco: Giulia Benite (Mônica), Kevin Vechiatto (Cebolinha), Laura Rauseo (Magali), Gabriel Moreira (Cascão), Monica Iozzi (Dona Lourdinha), Paulo Vilhena (seu Cebola) e Ravel Cabral  (Homem do saco).

Distribuição: Paris Filmes

Daniel Rezende | Diretor

O paulista Daniel Rezende (editor e diretor) foi indicado ao Oscar de melhor edição e ganhou o Bafta na mesma categoria pelo filme “Cidade de Deus” de Fernando Meirelles. Ainda como editor, ele assina trabalhos como “Diários de Motocicleta” e “Água Negra” de Walter Salles, “Tropa de Elite 1 e 2”, “Robocop” e “7 dias em Entebbe” de José Padilha, “Ensaio Sobre a Cegueira” e “360”, também de Fernando Meirelles e “A Árvore da Vida” de Terrence Mallick.

Como diretor, seus trabalhos incluem o curta-metragem “Blackout”, com Wagner Moura, a série “Fora de Controle” para a TV Record, a comédia “O Homem da Sua Vida” para a HBO e em 2017 lançou seu primeiro longa-metragem “Bingo, o Rei das Manhãs”, com Vladimir Brichta no papel principal.

Em 2018, dirigiu dois episódios para a série da Netflix “O Mecanismo” e está preparando a primeira adaptação em live-action dos personagens de Mauricio de Sousa no filme “Turma da Mônica – Laços”.

Biônica Filmes | Produtora

A Biônica Filmes foi fundada em 2012 por Bianca Villar, Karen Castanho e Fernando Fraiha.  Produziu a série para a HBO: “PSI” indicada ao Emmy Awards 2015 na categoria “Melhor Série Dramática”; e os longas: “Os Homens São De Marte… E é Pra Lá Que Eu Vou!” (2014) de Marcus Baldini, visto por mais de 1,8 milhão de espectadores e ganhador do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro em 2015 na categoria “Melhor Comédia”; “Reza a Lenda” (2016), de Homero Olivetto, uma das 5 maiores bilheterias de 2016 e ganhador do Prêmio Especial do Júri no Tallin Black Nights 2016; “TOC – Transtornada, Obsessiva, Compulsiva” (2017) de Paulinho Caruso e Teo Poppovic, selecionado para o South by Southwest (SXSW) 2018.

No ano de 2017 foram lançados dois longas em que a Biônica é produtora associada: o documentário “Divinas Divas” de Leandra Leal, vencedor do Prêmio do Púbico – Global no South by Southwest (SXSW) 2017 e a comédia “La Vingança” de Fernando Fraiha, uma coprodução Brasil – Argentina vencedora do prêmio de Diretor Estreante do Brooklin Film Festival 2017.

Em 2018, três longas serão rodados pela Biônica Filmes: “Turma da Mônica -Laços” de Daniel Rezende, o primeiro live action baseado nas histórias da Turma da Mônica, “Eu Não Sou Cachorro, Não” de Rafael Gomes, uma comédia romântica musical com trilha original assinada por Arnaldo Antunes; e “Pedro” de Laís Bodanzky, uma coprodução Brasil-Portugal que contará a história de Dom Pedro I.

Em 2019 a produtora vai produzir “Rita Lee, uma autobiografia”  (um longa-metragem de ficção e um documentário).

Bio Latina| Produtora

Baseada em São Paulo, a Latina Estudio é uma produtora que traz em seu DNA coproduções internacionais.

Sua primeira coprodução, com o Chile, foi o filme “Tony Manero”, de Pablo Larraín, com premiere em Cannes e participação em diversos festivais internacionais (melhor filme em Havana, Turim, Varsóvia), tendo ainda sido indicado como representante do Chile para concorrer ao Oscar de filme estrangeiro.

Seguiram-se os filmes “Garcia” de Chepe Rugeles, Colômbia (melhor filme em Cartagena, melhor atriz em Gramado); “Post Mortem” de Pablo Larraín, Chile (Competição em Veneza, melhor filme em Guadalajara e Cartagena); “Esteros” de Papu Curotto, Argentina (melhor filme do público e prêmio de direção em Gramado, Center Piece no Outfest Los Angeles).
Atualmente trabalha na produção dos filmes “Turma da Mônica – Laços”, baseado na obra de Maurício de Sousa, com direção de Daniel Rezende, e “Dá Licença de Contar”, baseado na obra de Adoniran Barbosa, com direção de Pedro Serrano.

 

Mauricio de Sousa Produções| Coprodutora

A Mauricio de Sousa Produções (MSP) é a maior empresa de produção de histórias em quadrinhos do Brasil, com mais de 50 anos de atuação, e responsável pela criação de Turma da Mônica, que possui o reconhecimento de mais de 90% dos brasileiros. Na área editorial, a empresa detém um dos maiores estúdios do setor no mundo e já assinou mais de 450 títulos até hoje, com mais de 80% do mercado de histórias em quadrinhos. A companhia é responsável pela criação de 400 personagens, que já venderam mais de um bilhão de revistas, e que são importantes para cerca de 80% dos brasileiros pelo incentivo à leitura e pela alfabetização informal das crianças. A MSP investe em tradição com inovação e produz hoje conteúdos em todas as plataformas com a mais alta tecnologia alinhando educação, cultura e entretenimento. No licenciamento, a MSP trabalha com 150 empresas que utilizam seus personagens em mais de 3 mil itens.

Paris Entretenimento | Coprodutora

A Paris Entretenimento foi fundada em 2014 e dois anos depois de coproduzir grandes sucessos de bilheteria como os três filmes da franquia Até que a Sorte nos Separe Mais Forte Que o Mundo – A História do José Aldo, assinou sua primeira produção solo em 2015: Carrossel – O Filme, que alcançou 2,7 milhões de espectadores, tonando-se com o quarto filme nacional mais visto do ano.

Entre 2016 e 2017, lançou sete filmes no circuito comercial que, juntos, somam 19,3 milhões de ingressos vendidos: Carrossel – O FilmeUm Namorado Para Minha MulherCarrossel 2Internet – O FilmeMeus 15 AnosD.P.A. – Detetives do Prédio Azul, além de Nada a Perder, distribuído pela Paris Filmes, que é o filme brasileiro de maior bilheteria na história do cinema, neste momento com 11.7 milhões de ingressos vendidos.

Depois de se consolidar como a produtora que mais lançou filmes próprios no Brasil desde 2016, com dez filmes exibidos em circuito comercial, que somam quase 20 milhões de ingressos vendidos, a Paris Entretenimento projeta para 2018 um crescimento de 100% em espectadores. O ano começou aquecido, com outros seis filmes, dos mais variados gêneros, já em produção: O Doutrinador, um filme de super-heroi que estreia em setembro; as comédias Minha Irmã e Eu, com Ingrid Guimarães e Tatá Werneck, e Dois Mais Dois; além do infanto-juvenil Adeus Inocência, que junta Maísa Silva e Larissa Manoela no elenco; o infantil Detetives Do Prédio Azul 2, Tudo Bem no Natal Que Vem, previsto para as férias de fim de ano, e Meu Nome É Gal, cinebiografia da cantora Gal Costa.

 

Paramount Pictures | Coprodutora

 

Paramount Pictures Corporation (PPC), uma produtora e distribuidora global de entretenimento audiovisual, é uma unidade da Viacom (Nasdaq, VIA, VIAB), uma das companhia líderes em conteúdo, com marcas reconhecidas e respeitadas no cinema, televisão e entretenimento digital, incluindo a Paramount Pictures, Paramount Animation, Paramount Vantage, Paramount Classics, Paramount Home Media Distribution, Paramount Pictures International, Paramount Licesing Inc e Paramount Studio Group.

Paris Filmes | Distribuidora

A Paris Filmes é uma empresa brasileira que atua no mercado de distribuição e produção de filmes, primando pela alta qualidade cinematográfica. Além de ter distribuído grandes sucessos mundiais, como o premiado “O Lado Bom da Vida”, que rendeu o Globo de Ouro® e o Oscar® de Melhor Atriz a Jennifer Lawrence em 2013 e “Meia-Noite em Paris”, que fez no Brasil a maior bilheteria de um filme de Woody Allen, a distribuidora tem também em sua carteira os maiores sucessos do cinema nacional, como as franquias “De Pernas Pro Ar” e “Até Que a Sorte nos Separe”. Em 2017, a empresa esteve à frente de lançamentos como “La La Land – Cantando Estações”, “A Cabana”, “D.P.A: Detetives do Prédio Azul – O Filme”, “Extraordinário”, entre outros. Em 2018, a distribuidora apresenta um lineup diverso, que inclui títulos como “Nada a Perder”, “Baseado em Fatos Reais”, de Roman Polanski, “O Homem das Cavernas”, de Nick Park, “Robin Hood – Origens”, entre outros.

 FONTE: DIVULGAÇÃO