Comic-Con: Trailer de Mulher Maravilha, Legendado e comentado

Diretora imprime um novo olhar à heroína e aos filmes de super-herói

por

24 de julho de 2016

Comic-Con: Trailer de Mulher Maravilha. Diretora imprime um novo olhar à heroína e aos filmes de super-herói, vide debate almanaquista abaixo do vídeo, sem spoilers:

Bem, vamos analisar o trailer após todo o furor: Piamente é passível de crença que a diretora Patty Jenkings tenha sim uma visão a imprimir para além da enorme responsabilidade de não apenas fazer um filme DC dar certo, como um com rara visão feminina devido a ter em mãos a maior super heroína de todos os tempos, e que não só represente às milhões de leitoras mulheres como agrade aos milhões leitores homens também, e espectadores leigos.
 
Para quem não está lembrando, Patty dirigiu “Monster” que rendeu à incrível Charlize Theron o Oscar de melhor atriz, além da elogiada série “The Killing”. E lembrando que antes tínhamos a diretora Michelle MacLaren previamente escalada até ser substituída por Patty (disseram rumores de Variety e etc que mesmo com a experiência com séries gigantes como Breaking Bad, The Walking Dead e etc, diferenças com os estúdios temiam por ser seu 1o longa, além de não concordarem com a visão “Coração Valente”).
 
Foi uma decisão consciente escalar como coadjuvantes Robin Wright (House of Cards) e Connie Nielsen (Gladiador), duas mulheres que costumam escolher papéis fortes.
E as cenas de reconstituição de época além de darem um charme, situam a heroína cada vez mais crível na pele da segura Gal Gadot em cenas da 1a GM, claramente demonstrando uma vontade da diretora em fazer um giro Copérnico da bússula referencial de ação típica dos super-heróis, mas sem deixar de respeitar a bagagem que isso representa. Ainda mais em uma Guerra onde não havia acontecido ainda a emancipação feminina na sociedade. E ponto extra para a cena final da secretária do “par romântico” da heroína na pele do desencanado Chris Pine, libertando as mulheres do antigo papel de secretárias.
Promissor.
gal-gadot-wonder-woman.jpg.824x0_q71 mulher-maravilha-filme-2017