Contos do Mar

Espetáculo desembarca no Teatro Dulcina, trazendo o universo fantástico das fábulas e dos contos antigos

por

13 de abril de 2018

Contos do Mar - foto web - Pedro Sá Earp

O universo fantástico das fábulas e dos contos antigos inspirou a construção de uma grande narrativa, utilizando contos de diversos países: Japão, Itália, Brasil e Hungria. Todos eles apresentam personagens que possuem uma relação direta com o mar: uma princesa que tem como seu bem mais precioso um incrível aquário e neste um animal misterioso que a levará a viver uma grande aventura, um jovem príncipe que atravessa o mar e todos os seus perigos para tentar  reestabelecer a saúde de sua mãe, a rainha. E uma personagem fantástica, a senhora das águas do mar, uma poderosa rainha que se apaixona, é cruel, acolhedora e vingativa.

O mar leva e traz, o mar adormece e acorda com seu canto de mistérios e lendas desde a sereia mais cruel até o pirata mais doce. O mesmo mar que banha o Brasil banha também as costas do Uruguai. E quando os atores da Cia Quatro Manos, a uruguaia Florencia Santángelo e o brasileiro Marcos Camelo, perceberam que tinham passado suas férias de infância mergulhados no mesmo mar, não tiveram dúvida: “vamos contar contos que aconteçam no mar!”

Contos do Mar é um instrumento alternativo na formação cultural das crianças, pois todos os elementos cênicos tem o objetivo de estimular a imaginação e a criatividade, além de conscientizar as crianças sobre a importância da arte e da literatura no mundo atual, travando com isso um diálogo entre a magia da leitura e o ambiente cotidiano da criança hoje em dia. O estímulo, tanto a leitura quanto à expressão teatral, são indispensáveis para a formação cultural e humana da criança. Dividir historias e estimular novos sonhos são instrumentos que devem ser considerados para proporcionar essa formação. Assim,“Contos do Mar”reascende ou ascende na criança a magia quase perdida da leitura, que hoje é um hábito esquecido buscando, através do teatro, as relações entre as fábulas literárias e a contemporaneidade.

Inédito no Rio de Janeiro, Contos do Mar foi apresentado em 2016 no 1º Festivaliño, Montevidéu/Uruguai ena Mostra Sesc Cariri e em 2017 na Mostra Criança Fringe do Festival de Curitiba e no projeto Viagem Teatral SESI SP. Em outubro de 2018 participa do Circuito Cultural Paraná.

 

Ficha Técnica

Atuação: Florencia Santángelo e Marcos Camelo

Direção: Flavio Souza

Dramaturgia: Flavio Souza e Marcos Camelo

Cenário e Figurinos: Flavio Souza

Iluminação: Paulo Denizot

Direção Musical: Isadora Medella

Assessoria de Imprensa: Ney Motta

Design Gráfco: Raquel Alvarenga

Produção Executiva: Florencia Santángelo

Assistente de Produção: Thamires Trianom

Produção e realização: Cia Quatro Manos e Cambaxirra Filmes

 

Serviço

Local: Teatro Dulcina. Rua Alcindo Guanabara, 17, Centro, Rio de Janeiro

(próximo ao VLT e Metrô Cinelândia)

Temporada: 7 de abril a 27 de maio, sábados e domingos, às 16h

Ingresso: R$ 20,00 (com meia entrada para os casos previstos em lei)

Vendas na bilheteria de quarta a domingo das 14h às 19:30h

Classificação indicativa: recomendado para crianças a partir de 4 anos

Duração: 55 minutos