Contracapa

Peça aborda as escolhas que fazemos na vida e suas consequências

por

16 de maio de 2018

José Karini, Roberto Frota, Rocio Durán, idealizadora do projeto, e Saulo Rodrigues em cena de Contracapa.

José Karini, Roberto Frota, Rocio Durán, idealizadora do projeto, e Saulo Rodrigues em cena de Contracapa.

O espetáculo Contracapa estreia em 18 de maio para curta temporada de quatro semanas na Casa de Cultura Laura Alvim. Com texto inédito de Suzana Nascimento e direção Priscila Vidca, a peça discute as relações familiares por meio de escolhas feitas no passado e suas consequências. No elenco estão José Karini, Roberto Frota, Rocio Durán, idealizadora do projeto, e Saulo Rodrigues. As apresentações acontecem sexta e sábado, às 20h, e domingo, às 19h, até 10 de junho. A Casa de Cultura Laura Alvim é um espaço da Secretaria de Estado da Cultura/FUNARJ.

Na montagem, Carmen (Rocio Durán) é uma escritora em processo de criação de seu novo livro. Casada com Jorginho (Saulo Rodrigues), músico desempregado, os dois vivem com o pai dela, Seu Gutierrez (Roberto Frota), influente advogado aposentado, que não aprova a profissão do casal. Como já não bastassem os conflitos familiares e as pressões do editor pelo lançamento do livro, a realidade transpassa a ficção quando um reencontro inesperado com Heitor (José Karini) traz, do passado, a história de muitas páginas atrás que nunca foi contada. Em meio de incertezas, descobertas e recordações que influenciam a vida de todos, a escritora deve escolher entre a verdade e a melhor versão, mas como distinguir o que é real?

 “A peça questiona o quanto temos controle sobre a própria vida e como nossas atitudes interferem o outro. Fala de decisões em diferentes níveis, tanto as escolhas de vida da personagem enquanto mulher quanto como da autora durante o processo de criação”, conta a atriz Rocio Durán.

 Segundo texto de Suzana Nascimento – autora e atriz de “Calango Deu! Os causos da Dona Zaninha”, monólogo que recebeu os prêmios de atriz, espetáculo e cenário nos festivais FITA e Cena Contemporânea – Contracapa apresenta diferentes camadas que se confundem e se encontram ao longo do espetáculo. A luz de Paulo Denizot e a trilha sonora original de Federico Puppi e Gastão Villeroy, composta especialmente para o espetáculo, estabelecem o clima dessas passagens. O cenário de José Dias traz uma estrutura hexagonal, suspensa que se projeta no chão, que abre a possibilidade de uma casa, mas não se encerra nisso.

“Há várias leituras subjetivas abrem a possibilidade de colocar a encenação dentro de um livro e de, esteticamente, descolar os personagens da realidade para que, dicotomicamente, esses corpos sejam preenchidos de verdade”, explica a diretora Priscila Vidca.

 Serviço

Temporada: de 18/5 a 10/6 – sexta e sábado, às 20h; domingo, às 19h.

Local: Casa de Cultura Laura Alvim. Av. Vieira Souto 176. Tel.: 2232-2015

Quanto: R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia).

Lista amiga: contracapaapeca@gmail.com

Capacidade: 190 lugares.

Duração: 70 min.

Classificação etária: 14 anos.

Ficha Técnica

Idealização: Rocio Durán

Dramaturgia: Suzana Nascimento

Direção: Priscila Vidca

Trilha sonora original: Federico Puppi e Gastão Villeroy

Elenco: José Karini, Rocio Durán, Roberto Frota (ator convidado) e Saulo Rodrigues

Cenógrafo: José Dias

Figurinista: Desirée Bastos

Iluminador: Paulo Denizot

Programação visual: Raquel Alvarenga

Assistente de direção: Rômulo Chindelar

Fotos: Leandra Benjamin

Assistente de fotografia: Sofia Ibarguren

Cenotécnico: José Galdino dos Reis

Visagista: Francis de Paula

Direção de produção: Heder Braga