Esse Viver Ninguém Me Tira

por

08 de outubro de 2014

Por meio de uma abordagem imagética, o ator judeu Caco Ciocler busca fazer uma reconstrução via memória afetiva, da personagem da vida real Aracy Moebius de Carvalho Guimarães Rosa, focando especialmente no tempo em que ela morou em Hamburgo e ajudou a evadir centenas de judeus da Alemanha Nazista para o Brasil. A câmera inconspícua treme não para emular realidade, mas sim para representar a emoção e o choro difícil de segurar ao abordar tão singela e tocante história.

Esse Viver Ninguem Me Tira 4

A intrepidez da mãe solteira, que levava o pequeno Eduardo Tess para solo alemão é notada logo em sua postura, ao não se envergonhar de seu estado civil. A oportunidade de ir morar em outro país bateu em sua porta, e ela logo atendeu. O registro baseado nas entrevistas não esconde algo que seria polêmica, revelando que o povo alemão – isso incluía Aracy num primeiro momento – gostava da figura de Adolf Hitler, mas isso aos poucos é desconstruído.

Esse Viver Ninguem Me Tira

Quando tornou-se chefe do setor de passaportes, a biografada percebeu a realidade, e o sofrimento que ocorria aos castigados do nazismo, e junto ao homem que seria seu marido, o escritor Guimarães Rosa, passaria a reescrever sua própria história, sendo protagonista de um belo romance com ele, e tornando-se a audaz musa da obra máxima de seu cônjuge, “Grandes Sertões Veredas”.

Esse Viver Ninguem Me Tira 3

As cem familias salvas guardavam sempre boas recordações dela, e o esmerado trabalho de Ciocler é dito por ele como uma invasão, de uma memória desfiada, inexistente. Seria ela um herói anônimo, repleto de humanidade. O desfecho é poético, com uma carta, falando sobre o entitulamento de Sagarana, da parte do eterno companheiro de Aracy. Mesmo com o formato convencional e datado, o registro é muito válido, já que a personagem focada é deveras rica e pouco comentada, ante a sua importância histórica.

Esse Viver Ninguem Me Tira 2

Festival do Rio 2014 – Mostra Premiére Brasil
Esse Viver Ninguém Me Tira (Esse Viver Ninguém Me Tira)
Brasil, 2013, 75 min
Direção: Caco Ciocler
Elenco: Caco Ciocler, Plinio Serpa de Arruda, Eduardo Tess, Vera Tess, Eduardo Tess Júnior.

Avaliação Felipe Pereira

Nota 3