Filmes brasileiros Redemoinho e Praça Paris premiados em Portugal

Redemoinho ganha melhor filme e Praça Paris leva melhor atriz

por

07 de março de 2018

“Redemoinho” vence o FESTin – Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa

Longa “Praça Paris”, de Lucia Murat, leva prêmio de melhor atriz para Grace Passô

“Redemoinho”, de José Luiz Villamarim, venceu a 9ª edição do FESTin – Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa. O longa recebeu os prêmios de melhor filme e melhor direção. O filme “Praça Paris”, de Lucia Murat, venceu a categoria melhor atriz. A diretora recebeu o prêmio em nome da protagonista Grace Passô. Baseado no livro O Mundo Inimigo – Inferno Provisório Vol. II, de Luiz Ruffato e adaptado por George Moura, “Redemoinho” é produzido pela Bananeira Filmes; Globo Filmes, Telecine e Canastra Produções assinam a coprodução e a Vitrine Filmes a distribuição“Praça Paris” é uma produção da Taiga Filmes.

Diretor das séries Nada Será Como Antes e Justiça, José Luiz Villamarim fez sua estreia como diretor nos cinemas em “Redemoinho”, longa no qual retomou a parceria dos sucessos O Canto da Sereia, Amores Roubados e O Rebu com o roteirista George Moura e o diretor de fotografia Walter Carvalho. A minissérie Amores Roubados fechou este mês uma coprodução internacional com a Telemundo, do grupo NBCUniversal voltado para o público hispânico dos EUA. Já em abril o trio lança no dia 23 a supersérie Onde Nascem os Fortes. O longa ganhou o Prêmio Especial do Júri Oficial e o de Melhor Ator para Julio Andrade no Festival do Rio 2016.

20161210165121_40

A história de “Redemoinho” se passa em Cataguases, no interior de Minas Gerais, onde dois amigos de infância, Gildo e Luzimar, vividos por Julio Andrade e Irandhir Santos, se reencontram depois de muitos anos. Luzimar trabalha em uma fábrica de tecelagem e nunca saiu de sua cidade. Gildo mora em São Paulo e acredita ter se tornado um homem mais bem sucedido. Na véspera do Natal, Gildo chega à Cataguases para ajudar a mãe, Dona Marta (Cássia Kis), a vender a casa da família. Já Luzimar, casado com Toninha (Dira Paes), por quem é apaixonado, tenta guardar de todos um segredo. Mas a volta do velho amigo pode mudar seus planos e lançá-lo em um arriscado acerto de contas.

Praça Paris

Já “Praça Paris” coprodução Brasil-Portugal-Argentina é um thriller que mostra o conflito entre uma psicanalista portuguesa, Camila (Joana de Verona), que veio ao Brasil para desenvolver uma pesquisa sobre violência, e sua paciente, Glória (Grace Passô), num Centro de Terapia de uma universidade brasileira (UERJ). Glória é ascensorista na universidade e tem uma história de violência muito difícil: estuprada pelo pai, tem apenas no irmão, Jonas (Alex Brasil), traficante do morro, a proteção que procura.  O filme mostra uma relação de transferência ao inverso, onde o medo do outro acaba dominando a trama.

SINOPSE REDEMOINHO

Luzimar e Gildo são dois grandes amigos de infância, que se reencontram depois muitos anos afastados. Eles cresceram juntos em Cataguases, interior de Minas Gerais. Luzimar nunca saiu de sua cidade e trabalha numa fábrica de tecelagem. Gildo mudou-se para São Paulo onde acredita ter se tornado um homem mais bem sucedido. Na noite de Natal, Luzimar e Gildo se confrontam com o passado e, num intenso mergulho em suas memórias, partem para um arriscado acerto de contas.

SINOPSE PRAÇA PARIS

Camila (Joana de Verona) é uma terapeuta que veio ao Brasil para desenvolver uma pesquisa sobre violência. Ela atende Glória (Grace Passô), ascensorista na universidade e tem uma história de violência muito difícil: estuprada pelo pai, tem apenas no irmão, Jonas (Alex Brasil), traficante do morro, a proteção que procura. 

FONTE: Divulgação