Filmes da TV desta noite de quinta

Garantia de reflexão estética com longa de Caetano Gotardo e com sci-fi assustador do mestre holandês Paul Verhoeven

por

13 de novembro de 2014

O que se move1414141

O que se move

De Caetano Gotardo (Brasil, 2012)

Três histórias diferentes, sem rota de colisão uma com a outra, são narradas por Gotardo. Cada uma delas versa sobre perdas, sempre envolvendo a relação mãe e filho, de contextos tristíssimos, nos quais a dor é mediada pela delicadeza. O único ponto de confluência entre os segmentos é o fato de cada um deles terminar com sua personagem feminina central cantando uma música capaz de sintetizar todas as suas inquietações práticas e existenciais. Os trechos são estrelados por Andrea Marquee, a cantora Cida Moreira e Fernanda Vianna, ganhadora do Kikito de melhor atriz em Gramado pela produção. Eleito melhor filme na Semana dos Realizadores de 2012, o drama é montado por Juliana Rojas, cineasta especializada em filmes com toque sobrenaturais, como o curta “O duplo” (2012) e o longa “Trabalhar cansa” (2011).
HBO Family, 21h40m

Hollow man

O homem sem sombra

“Hollow Man”. De Paul Verhoeven (EUA, 2000)

Realizador exercícios de provocação com aura de cinema-pipoca como “RoboCop” (1987) e “Instinto selvagem” (1992), o holandês Paul Verhoeven desfrutou de toda a admiração dos executivos de Hollywood até o dia em que fez “Showgirls” (1995). O injusto fracasso de seu drama erótico jogou uma maldição sobre carreira, relegando-o ao limbo. Seu último esboço de sucesso foi este thriller sci-fi sobre a onipotência moral da ciência, que consumiu US$ 95 milhões para sair do papel e faturou US$ 190,2 milhões. Dublado no Brasil por Hércules Fernando, Kevin Norwood Bacon interpreta Sebastian Caine, um cientista ambicioso que inventa uma fórmula de invisibilidade, testada em seu próprio corpo. Mas não é só seu corpo que some: sua sanidade desaparece também. Quem vai pagar o pato é sua colega e ex-namorada Linda (Elisabeth Shue).

FOX, 1h30m