Mercenaries

por

11 de dezembro de 2014

Se aproveitando da rebarba da franquia de sexagenários heróis de ação dos anos 80, os estúdio Asylum resolveram – bem ao seu estilo – presentear o público com uma versão sua deste paradigma, engrossando o escopo massaveístico com um  elenco todo feminino. Zoe Bell, Kristanna Loken, Vivica A. Fox e Cynthia Rothrock foram um grupo de elite, composto por presidiárias, que devem lançar-se em uma aventura suicida para resgatar a filha do presidente, raptada pela malvada Ulrika, que por sua vez é interpretada pela andrógena Brigitte Nielsen, exalando mais testesterona que todo o elenco de Expendables.

mercenaries 2

“Mercenaries” consegue reunir os clichês dos subgêneros Women in Prison, de Garota Refém e Girl Power. Todo o escopo de ação presente no filme de Christopher Ray é pautado num feminismo pensado por cabeças masculinos, caricato até o talo, mas absurdamente divertido.

mercenaries 3

Os ecos da Guerra Fria são presentes, como num resgate dos filmes que inspiraram a feitoria desta fita, mostrando uma ex-república soviética, cujos moradores sonham em ser uma sucursal dos EUA. Neste ponto, a Asylum se assemelha em trabalho ao estereótipo que Cannon exercia nos anos 80 e 90, de ser uma propagandista do American Way of Life, fazendo jus aos pensamentos de seus mentores Golan/Globus.

mercenaries 4

A luta final entre as personagens de Bell, Loken contra Nielsen tem um desfecho toscamente engraçado, reunindo dois bordões típicos dos filmes oitentistas. Apesar de ter um pedaço considerável de sua duração sem toda a ação desenfreada necessária para um filme de brucutus, o final compensa, com clichês suficientes para encher uma represa inteira, com todas suas frases feitas, traição, mortes desnecessárias e publicidade armamentista, claro, com todos esses argumentos ao modo do humor típico de tais produções.

Título original:  Mercenaries
Ano:  2014
País de origem: Estados Unidos
Gênero: Ação

Duração:  89 min
Classificação indicativa:

Direção:  Christopher Ray
Elenco: Zoë Bell, Kristanna Loken, Vivica A. Fox, Brigitte Nielsen, Cynthia Rothrock, Nicole Bilderback

Avaliação Filipe Pereira

Nota 3