Morre o maior pugilista da história: Muhammad Ali

Muhammad já foi imortalizado nos cinemas na pele de Will Smith no filme "Ali"

por

04 de junho de 2016

O lendário ex-campeão mundial de boxe na categoria de pesos pesados, Muhammad Ali, morreu na sexta-feira aos 74 anos, num hospital em Phoenix, no estado do Arizona, nos Estados Unidos, anunciou a família em comunicado.

Screenshot_2016-06-04-10-31-45-1

“Depois de um combate de 32 anos contra a doença de Parkison, Muhammad Ali morreu, aos 74 anos de idade”, anunciou o porta-voz da família, Bob Gunnell. — O ex-pugilista tinha sido internado no hospital devido a problemas respiratórios, segundo informação do porta-voz da família.

Imortalizado nos cinemas na pele do ator Will Smith no filme “Ali”, Muhammad, que anteriormente se chamava Cassius Clay, foi campeão do mundo de pesos pesados em 1964, 1974 e 1978. Ali foi considerado o maior pugilista da história.

Screenshot_2016-06-04-10-31-31-1

Várias de suas frases ficaram na história, como “O que estou pensando agora, é o que estou me tornando”, ou frases tidas como ousadas ou mesmo arrogantes como “Sou jovem, sou bonito, sou rápido. É impossível vencer-me”.

Cassius Clay nasceu em Louisville. Era filho de escravos, daí o seu nome anterior, que foi alterado quando se converteu ao islamismo. Começou a lutar como amador com 12 anos e aos 18 ganhou a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Roma.

Screenshot_2016-06-04-10-31-22-1