Os looks de destaque no Globo de Ouro 2020

Destaques do tapete vermelho

por

06 de janeiro de 2020

Sim, AMO TAPETE VERMELHO DE PREMIAÇÕES! Podem atirar a primeira pedra. Mas são eles que ganham milhões e podem nos mostrar alguns exemplares dos mais raros da vida! É lindo de se ver!

Começou o tapete vermelho do Globo de Ouro 2020! Primeira estrela elegantérrima: Cynthia Erivo indicada a melhor atriz em drama pelo filme “Harriet”. Lembrando a importância imensa de se contar a história de Harriet Tubman: “Harriet Tubman (nascida Araminta Ross; Condado de Dorchester, c. 1822 — Auburn, 10 de março de 1913), foi uma americana abolicionista, humanitária e espiã do Exército dos Estados Unidos durante a Guerra Civil Americana. Nascida durante a escravidão, Tubman escapou e, posteriormente, fez cerca de treze missões para resgatar cerca de setenta famílias e amigos escravizados, usando a rede de ativistas abolicionistas e casas seguras conhecida como Underground Railroad. Sem falar que foi a primeira mulher nos EUA a liderar uma campanha militar, pois foi ela quem planejou toda a atividade por ser a única a saber todos os segredos do terreno e das pessoas envolvidas.”

PS. Que jóia LINDAAAAAAA Cynthia está usando! Avaliada em 3 milhões 😱❤😍

Billy MARAVILHOSO Porter com cauda de plumas brancas! OH MY GODDESS!!!!!!! Indicado pela série amor de vida: “Pose”
(Já podem encontrar a primeira temporada na #Netflix — NÃO PERCAM!)

Por enquanto minha franca favorita é Ana De Armas (“Entre Facas e Segredos”), seguida de perto por Cynthia Erivo (“Harriet”) e Billy Porter (“Pose”), mas também na contenda Sofia Carson (da série da Disney “Os Descendentes”) com vestido rosa de sonhos em camadas, e o vestido em formato bastante sugestivo mas extremamente intrigante de Joey King (“The Act”). Outros destaques por enquanto vão para Gillian Anderson (“Sex Education”, “The Crown”) e o vestido amarelo de Zoey Deutch, além de Zendaya sempre impecável!

Homem mais bem vestido (na categoria binária, porque não binária é Billy Porter, sempre!):

Barry Jenkins (“Moonligh” e “E se a rua Beale Falasse”) que está ao lado da também diretora Lulu Wang, de “A Despedida / The Farewell”, no tapete vermelho do Globo de Ouro 2020.

Parem as prensas! O que é o look de Phoebe Waller-Bridge (“Fleabag”, além de roteirista de “Killing Ever” e o novo 007). (G)AMEI

Scarlett Johansson (“História de um Casamento”) acabou de roubar a cena! Rainha total! Esperem pra ver o vestido de costas também!

Looks que não deu pra concordar…

Cate Blanchett parece que veio vestida pra im filme na Grécia antiga rsrs
Jodie Comer pareceu envelopada…
Jennifer Lopez foi vestida de embrulho de presente.
Lucy Boynton foi vestida de papel laminado
Saoirse Ronan não está mal, só sem sal…
E Sacha Baron Cohen está ridículo, como esperado, e consegue até dar menos sentido pro vestido da esposa Isla Fisher que não estaria tão mal se não estivesse ao lado dele…

Ainda sobre ontem. Sim, entendo, respeito e concordo total que o tapete vermelho reforça a ditadura da beleza e do que é padrão (ainda que renda certo prazer inegável meio sadomasoquista). Mas como às vezes só dá pra lutar contra o sistema a partir de dentro dele, ocupando e implodindo ele por dentro, há grandes avanços e declarações sim que se pode fazer através do fashionismo. Não condeno nem louvo completamente, pelo menos não sem usar o olhar opositivo. Isso quem me ensinou foi minha mãe e Joan Rivers (sim, a saudosa Joan era tradição lá em casa rs).

E justamente em homenagem à Joan, gostaria de ressaltar o quão DESLUMBRANTES e sexy estavam algumas das representantes mais velhas no tapete vermelho: notadamente Helen Mirren (74), Zhao Shuzhen do filme “A Despedida” (76) e Pierce Brosnan (66)

Aliás, gostaria de fazer justiça à linda esposa de Brosnan a quem não nomeei ontem, mas que uma boa amiga (Julia Theotonio) repassou o currículo dela: Keely Shaye é jornalista, apresentadora de tv, modelo e autora. Pode não ser importante pro prêmio mas é pros USA. Trivia dela: tá no clipe da Hue Lewis, parada 1 na Bilboard em 86 STUCK WITH YOU ♡

Algumas pessoas me perguntaram se eu não ia fazer um TOP masculino dos mais bem vestidos e dos piores looks… Eu meio que fiz sim, misturado ao todo, e ontem mesmo declarei que o look que mais AMEI foi do cineasta Barry Jenkins (êta homem lindo e elegante! Quero me vestir que nem ele e Michael B. Jordan quando crescer. Jamais erram!);e o pior look a roupa de Cartoon Network do Sacha Baron Cohen (que conseguiu ser o pior acessório para a esposa dele, Isla Fisher).

Mas bem da verdade vou ser sincerão em duas críticas bem firmes e uma conclusão:

1) Acho que os homens ousam MUITO POUCO, e talvez por isso sejam menos julgados, afinal, mais da metade estava vestido IGUAL — vejam fotos abaixo! O que não seria pecado se para as mulheres a exigência é sempre inovar. Então recrimino sim que os homens mais cortejados da noite tenham ido como gêmeos siameses. De Pitt a Leo, de Phoenix a Taron, de Driver a Rockwell.

2) As mulheres que foram de terninho ficaram MUITO MAIS INCRÍVEIS do que eles (inclusive quem optou pela gravata social fina): Ellen DeGeneres, PORTIA IMPECÁVEL DE ROSSI, e O LOOK DA NOITE: Phoebe Waller-Bridge (cujo terninho até eu gostaria de usar! Assim mesmo como ela usou).

3) o terno que mais ousou nesta temporada foram os aveludados ou acetinados, e, sinceramente, quem foi de veludo ganhou mil pontos! Jason Momoa de verde musgo não tem como errar (só não banque o Thor e pelo amor das Deusas não corte o cabelo!). A revelação mirim indicado com 12 aninhos Roman Griffin Davis do filme “Jojo Rabbit” foi outro que acertou MUITO com seu terno laranja. Eddie Murphy também arriscou com o paletó aveludado roxo e sem gravata, com gola alta preta, mas pra mim acertou e combinou até com os óculos escuros (que em geral acho falta de finesse, mas ficou moderno). E outros aveludados como o de Ansel Elgort e o apresentador do E! Ryan Secrest também ficaram bem. Por incrível que pareça Kit Harington, que nem bonito eu acho (pessoas loucas que eram team João das Neves), até que acertou com o look todo preto e sem gravata (até ficou parecendo mais alto). E o terno florido do David Furnish, marido de Elton John, foi uma aposta muito melhor e mais bonita do que o look careta com a camisa social de babados do Elton. E, por último, o look do cantor Nick Jonas foi um risco, e acho que o biotipo dele talvez não tenha feito jus totalmente ao corte como idealizado, mas foi o sapato que achei que mais não combinou com o visual, apesar de que dou pontos a ele por tentar…

IMG_20200105_221637_314 IMG_20200106_133114_432 IMG_20200105_222113_303 IMG_20200105_222110_613 IMG_20200105_220441_769 IMG_20200105_220028_029 IMG_20200106_145848_110 IMG_20200106_145848_157 IMG_20200105_220015_532 IMG_20200105_220012_941 IMG_20200105_220011_507 IMG_20200105_220004_232 IMG_20200105_215946_351 IMG_20200105_220007_739 IMG_20200105_215940_732 IMG_20200105_214503_444 IMG_20200105_210916_423 IMG_20200105_212946_299 IMG_20200105_205156_484 IMG_20200105_204655_081 IMG_20200105_205149_411 IMG_20200105_204304_298 IMG_20200105_205158_222 IMG_20200105_204238_466 IMG_20200105_204320_028 IMG_20200105_215947_592 IMG_20200105_215937_559 IMG_20200105_215936_370 IMG_20200106_145848_111 IMG_20200105_205154_388