Prêmios Platino 2018: vitória chilena em debate contra a transfobia

O Oscar latino coroou o chileno “Uma Mulher Fantástica”.

por

30 de abril de 2018

Na noite do último domingo, dia 29, foi realizada a cerimônia de entrega dos Prêmios Platino del Cine Iberoamericano, no complexo hoteleiro Xcaret, em Cancún, México.

Em sua 5a edição, o Oscar latino coroou o chileno “Uma Mulher Fantástica” (Una Mujer Fantástica – 2017), de Sebastián Lelio, numa importante discussão sobre a identidade trans.

Este ano, os Prêmios Platino realizaram uma festa muito rápida que fortaleceu as produções espanholas. Contudo, o Brasil ficou muito reduzido, indicado a poucas categorias, sobretudo por “Zama” (2017), que rendeu à Renata Pinheiro o prêmio de melhor direção de arte.

Confira outros vídeos no canal oficial do Almanaque no YouTube:

https://www.youtube.com/user/almanaquista