Programação do Festival de Aruanda 2018

A organização do Fest-Aruanda - Ano 13 anuncia sua programação diária do maior evento cinematográfico da Paraíba que será realizado no período de 6 a 12 de dezembro deste ano

por

04 de dezembro de 2018

A organização do Fest-Aruanda – Ano 13 anuncia sua programação diária do maior evento cinematográfico da Paraíba que será realizado no período de 6 a 12 de dezembro deste ano.  Mais uma vez a rede Cinépolis do Manaíra Shopping será palco do evento que terá entrada franca em todas as sessões e contará com a parceria e patrocínio da Energisa-PB e do Armazém Paraíba.

O júri de seleção dos curtas foi formado pelos críticos de cinema Amilton Pinheiro (que também responde pela curadoria de longas do festival), Suyene Correia Santos e pela jornalista Clarissa Kushinir.

Lucio Vilar anuncia que o cineasta Marcus Vilar será o homenageado paraibano na próxima edição por sua significativa produção cinematográfica que remonta aos anos 1980.

“Creio ter chegado a hora desse reconhecimento, tendo em vista a maturidade alcançada e que tem seu ápice, esse ano, com a estréia do mais esperado longa-metragem sobre Jackson do Pandeiro que tem sua assinatura como diretor”, enfatizou Vilar para justificar a decisão da organização do evento. 

PROGRAMAÇÃO DE 06 A 12 DE DEZEMBRO.

14H00 – OFICINA ARUANDA

Por um Cinema Feminista – Pesquisa e Desenvolvimento de Projetos, com a produtora e cineasta Marília Rocha.

Local: Auditório Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

QUINTA-FEIRA – DIA 06/12

 

19H30 SOLENIDADE DE ABERTURA OFICIAL

Homenagem do Centro de Pesquisadores do Cinema Brasileiro (CPCB) ao jornalista, pesquisador e escritor paraibano Wills Leal que receberá o Troféu Memória Viva do Cinema PB da Profa. Dra. Marília Franco, da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP).

Exibição Hors Concours do Curta-Metragem Ary Barroso – Ele Era Assim (DOC, RJ, 2018, 28 min, livre) de Angela Zoé.

Exibição Hors Concours do Longa-Metragem Todas as Canções de Amor (FIC, SP, 2018, 92 min, 14 anos), de Joana Mariani.

Local:  Cinépolis (Manaíra Shopping), Sala 9 – MACRO XE

SEXTA-FEIRA – DIA 07/12

 

10H00 DIÁLOGOS AUDIOVISUAIS ARUANDA-ENERGISA I

Debate sobre os filmes Todas as Canções de Amor e Ary Barroso – Ele Era Assim
Mesa: Joana Mariani (diretora), Angela Zoé (diretora) e José Geraldo Couto (crítico).
Mediação: Maria do Rosário Caetano (Mediadora dos Longas-Metragens e dos Homenageados do Fest Aruanda)

Local: Auditório do Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

11H30 DIÁLOGOS AUDIOVISUAIS ARUANDA-ENERGISA II

Tema: O Cinema Paraibano de Longa-Metragem Pede Passagem: Editais, tecnologias, regionalização da produção, diversidade temática e fortalecimento do Fórum Setorial do Audiovisual da Paraíba.

Mediação: Lúcio Vilar (Coordenador e Produtor Executivo do Fest Aruanda)

Mesa: Com os cineastas Bertrand Lira, Tavinho Teixeira, Edson Lemos Akatou, Eliezer Rolim, Marcus Vilar, André Morais e Maurício Burity (Diretor da Funjope)

Local: Auditório do Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

 

14H00 OFICINA ARUANDA

Por um Cinema Feminista – Pesquisa e Desenvolvimento de Projetos, com a produtora e cineasta Marília Rocha.

Local: Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

14H00 SESSÃO VESPERTINA

Solenidade de Premiação Vídeo do Minuto Contra a Corrupção (CGU-UFPB), com exibição dos filmes vencedores do concurso e do curta-metragem Vidas Cinzas (RJ), de Leonardo Martinelli e debate sobre o tema com o público.

Mesa: Nicole Verillo, Walber Silva, Leonardo Quintans e Laerte Cerqueira.

Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

17H00 LANÇAMENTO DE LIVRO – HALL DA CINÉPOLIS

O Autor no Cinema, de Jean-Claude Bernardet e Francis Vogner dos Reis (Edições Sesc)
Sessão de Autógrafos: Jean-Claude Bernardet.

18H00 SESSÃO ESPECIAL

Mulheres Cerceadas e Resistência Feminina (Ontem e Hoje)

Exibição do Curta-Metragem: Parto Sim! (FIC, PE, 2018, 15min, livre), com apresentação da diretora Kátia Mesel.

Exibição do Longa-Metragem: Torre das Donzelas (DOC, RJ, 2018, 97min, 12 anos), com apresentação da diretora Susanna Lira.
Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

 

21H00 ABERTURA MOSTRA COMPETITIVA CURTA-METRAGEM NACIONAL

Ultravioleta, de José Dhiones Nunes (FIC, Congo/PB, 2018, 12 min)

Rasga Mortalha, de Pattrícia de Aquino (FIC, São Domingo do Cariri/PB, 15 min)

De Vez em Quando, Quando Eu Morro, Eu Choro, de R.B. Lima (FIC, João Pessoa/PB, 15m22 segundos)
 Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

22H00ABERTURA MOSTRA COMPETITIVA LONGA-METRAGEM

Mussum – Um filme do Cacildis (DOC, RJ, 2018, 85 min, 12 anos)

Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

 

23H00 FESTA ASSUSTADO RUTH AVELINO

Local:  Esporte Club Cabo Branco

SÁBADO – DIA 08/12

 

10H00 DIÁLOGOS AUDIOVISUAIS ARUANDA-ENERGISA I

Debate com os diretores dos Curtas-Metragens: José Dhiones Nunes (Ultravioleta), Pattrícia de Aquino (Rasga Mortalha) e R. B. de Lima (De Vez em Quando, Quando Eu Morro, Eu Choro)
Mediação: Amilton Pinheiro (Curador e Diretor Artístico do Fest Aruanda)

Local: Auditório do Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

 

11H00 DIÁLOGOS AUDIOVISUAIS ARUANDA-ENERGISA II

Debate com diretoras Susanna Lira dos longas-metragens Torre das Donzelas e Mussum – Um filme do Cacildis e Kátia Mesel do curta Parto Sim!

Mediação: Maria do Rosário Caetano (Mediadora dos Longas-Metragens do Fest Aruanda)
Local: Auditório do Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

14H00 OFICINA ARUANDA

Formatação de Projetos e Distribuição em Festivais, Mercados e Salas de Cinema com a produtora Bárbara Sturm (SP).

Local: Auditório do Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

 

15H00  SESSÃO VESPERTINA

Abertura Mostra Competitiva Sob o Céu Nordestino e Première Parayba
Rebento (FIC, PB, 2018, 97 min), com apresentação de seu diretor André Morais e elenco.

Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

17H00 LANÇAMENTO DE LIVRO COM SESSÃO DE AUTÓGRAFOS

Animação Brasileira – 100 Filmes Essenciais (Grupo Editorial Letramento/Abraccine/Canal Brasil) – Vários Autores

A História do Cinema Para Quem Tem pressa – Dos irmãos Lumière ao século 21 em 200 páginas!, de Celso Sabadin (Editora Valentina)

Local: Hall da Cinépolis 

18H00 HOMENAGEM PÓSTUMA

Com o ator, chargista e humorista paraibano Cristovam Tadeu

Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

18H20 MOSTRA COMPETITIVA SOB O CÉU NORDESTINO E PREMIÈRE PARAHYBA

Beiço de Estrada (FIC, PB, 2018, 105 min,) com apresentação do diretor Eliézer Rolim, acompanhado dos atores Mayana Neiva, Darlene Glória e Suzy Lopes.

Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

21H00 MOSTRA COMPETITIVA CURTA-METRAGEM NACIONAL

Passo, de Sérgio Rizzo (DOC, SP, 2018, 9 min)

Abismo, de Ivan Angelis (FIC, RJ, 2018, 15 min)

A Roda da Fortuna, de Luciano Porto (FIC, DF, 2018, 15 min)

A Formidável Fabriqueta de Sonhos Menina Betina, de Tiago Ribeiro (Animação, RS, 2018, 7m35segundos)

Fè Mye Talè, de Henrique Lahude (FIC, RS, 2018, 16min )

Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

 

21H50 MOSTRA COMPETITIVA LONGA-METRAGEM NACIONAL

Som, Sol & Surf: Saquarema (DOC, RJ, 2018, 82 min), com apresentação do diretor Hélio Pitanga.

Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

22H30 SESSÃO ESPECIAL: HOMENAGEADOS

Chico Díaz pelo Conjunto da Obra como Ator de Cinema e TV

Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

DOMINGO  – DIA 09/12

 

10H00 OFICINA ARUANDA

Formatação de Projetos e Distribuição em Festivais, Mercados e Salas de Cinema com a produtora Bárbara Sturm (SP).

Local: Auditório do Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

15H00 SESSÃO VESPERTINA

Mostra Competitiva Sob o Céu Nordestino

Estrangeiro (FIC, PB, 2018, 118min, 14 anos), com apresentação do diretor Edson Lemos Akatou e equipe.

Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

 

18H00  MOSTRA COMPETITIVA SOB O CÉU NORDESTINO E PREMIÈRE PARAYBA:

Mostra Competitiva Sob o Céu Nordestino

O Seu Amor de Volta – Mesmo Que Ele Não Queira (DOC, PB, 2018, 82min), com apresentação do diretor Bertrand Lira e equipe.

Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

21H30 MOSTRA COMPETITIVA LONGA-METRAGEM NACIONAL

Azougue Nazaré (FIC, PE, 2018, 82 min) com apresentação do diretor Tiago Melo e equipe.

Clementina (DOC, RJ, 2018, 75 min) com apresentação da diretora Ana Rieper e equipe.

Local: Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

 

SEGUNDA-FEIRA  – DIA 10/12

 

09H00 DIÁLOGOS AUDIOVISUAIS ARUANDA-ENERGISA I

Debate com os diretores dos curtas-metragens: Sérgio Rizzo (Passo), Ivan Angelis (Abismo), Luciano Porto (Roda da Fortuna), Tiago Ribeiro (A Formidável Fabriqueta de Sonhos Menina Betina) e Henrique Lahude (Fè Mye Talè)

Mediação: Amilton Pinheiro (Curador e Diretor Artístico do Fest Aruanda)

Local: Auditório do Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

 

10H00 DIÁLOGOS AUDIOVISUAIS ARUANDA-ENERGISA II

Debate com os diretores Eliézer Rolim (Beiço de Estrada), André Morais (Rebento), Bertrand Lira (O Seu Amor de Volta – Mesmo Que Ele Não Queira) e Edson Lemos Akatou (Estrangeiro)

Mediação: Maria do Rosário Caetano (Mediadora dos Longas do Fest Aruanda)

Local: Auditório do Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

11H00 DIÁLOGOS AUDIOVISUAIS ARUANDA-ENERGISA III

Debate: Hélio Pitanga (Som, Sol & Surf: Saquarema), Tiago Melo (Azougue Nazaré)  e Ana Rieper (Clementina)

Mediação: Maria do Rosário Caetano (Mediadora dos Longas  e dos Homenageados do Fest Aruanda)

Local: Auditório do Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

 

 

 

 

 

 

12H30 DIÁLOGOS COM OS HOMENAGEADOS: CHICO DÍAZ (ATOR E DIRETOR)

Debate: Chico Diáz e Rosemberg Cariry (diretor)

Mediação: Maria do Rosário Caetano (Mediadora dos Longas e dos Homenageados do Fest Aruanda)

Local: Auditório do Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

 

14H30 PAINEL: A PRESERVAÇÃO AUDIOVISUAL COMEÇA NA PRODUÇÃO

Painelista: Profa. Dra. Marília Franco (ECA-USP)

Debatedores: Carlos Roberto (Presidente da Associação Brasileira de Preservação Audiovisual/ABPA), Wills Leal (jornalista e pesquisador paraibano); José Maria Pereira Lopes (Montador, projetista e restaurador de filmes) e Rosemberg Cariry (cineasta e pesquisador).

Moderador: Lúcio Vilar (Coordenador e Produtor Executivo do Fest Aruanda e Docente da UFPB)

Local: Auditório do Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

 

15H30 SESSÃO ESPECIAL: HOMENAGEADOS

Corisco & Dadá  (FIC, CE, 1996, 113min) de Rosemberg Cariry.

Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

 

15H30MOSTRA COMPETITIVA: SOB O CÉU NORDESTINO

Sol Alegria (FIC, PB, 2018,1h30 min, 18 anos), com apresentação dos diretores Tavinho Teixeira e Mariah Teixeira e equipe.

Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

 

21H00 MOSTRA COMPETITIVA CURTA-METRAGEM NACIONAL

Reforma, de Fábio Leal (FIC, PE, 2018, 15m45 segundos, 18 anos)

Edney, de João Roberto Cintra (FIC, PE, 2018, 15m30 segundos )

Divina Luz, de Ricardo Sá (DOC, ES, 2018, 15min)

Distúrbio, de Cláudia Pinheiro (FIC, SP, 2018, 14m 21 segundos)

Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

22H00 MOSTRA COMPETITIVA LONGA-METRAGEM NACIONAL

Adoniran – Meu nome é João Rubinato (DOC, SP, 2018, 92 minutos, 12 anos), com apresentação do diretor Pedro Serrano.

Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

 

TERÇA-FEIRA  – DIA 11/12

 

09H00DIÁLOGOS AUDIOVISUAIS ARUANDA-ENERGISA I

Debate com os diretores dos curtas-metragens: Fábio Leal (Reforma), João Roberto Cintra (Edney), Ricardo Sá (Divina Luz) e Cláudia Pinheiro (Distúrbio)

Mediação: Amilton Pinheiro (Curador e Diretor Artístico do Fest Aruanda)

Local: Auditório do Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

 

 

10H00 DIÁLOGOS AUDIOVISUAIS ARUANDA-ENERGISA II

Debate com os diretores Tavinho Teixeira, Mariah Teixeira (Sol Alegria) e Pedro Serrano (Adoniran – Meu Nome é João Rubinato)

Moderadora: Maria do Rosário Caetano

Local: Auditório do Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

12H00 PATRÍCIA PILLAR, ENTRE A TV E O CINEMA E OS NOVOS CAMINHOS DA RENOVAÇÃO DA LINGUAGEM A PARTIR DA SUPERSÉRIE ONDE NASCEM OS FORTES

Mesa: Patrícia Pillar, Nanego Lira, Zezita Matos e Maria do Rosário Caetano

Moderador: Walter Carvalho (Diretor de Fotografia da supersérie Onde Nascem os Fortes (Rede Globo).

Local: Auditório do Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

 

14H30 SESSÃO ESPECIAL: HOMENAGEADOS – PATRÍCIA PILLAR

Zuzu Angel, de Sérgio Rezende (FIC, RJ, 2006, 108 min)

Waldick – Sempre no Meu Coração, de Patrícia Pillar (DOC, RJ, 2008, 58 min, 12 anos)
Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

 

18H00 MOSTRA COMPETITIVA SOB O CÉU NORDESTINO E PREMIÈRE PARAHYBA

Ambiente Familiar (FIC, PB, 2018), com apresentação do diretor Torquato Joel e equipe.

Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

21H00 SOLENIDADE DE HOMENAGEM

Patrícia Pillar – Pelo Conjunto da Obra como Atriz de Cinema e TV.

Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

21H20 MOSTRA COMPETITIVA LONGA-METRAGEM NACIONAL

Simonal (FIC, RJ, 2018, 105 min), com apresentação do diretor Leonardo Domingues e equipe.

Local: Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)

QUARTA-FEIRA – DIA 11/12

09H30 DIÁLOGOS AUDIOVISUAIS ARUANDA-ENERGISA I

Debate com os diretores Torquato Joel (Ambiente Familiar) e Leonardo Domingues (Simonal).

Moderadora: Maria do Rosário Caetano

Local: Auditório do Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

11H30 DIÁLOGOS AUDIOVISUAIS ARUANDA-ENERGISA II

Tema: Roberto Farias: Um Diretor em Ritmo de Aventura; Possibilidades e Limites das Cinebiografias de Artistas e Gêneros Musicais Brasileiros.

Mesa: Paulo César de Araújo (pesquisador e escritor) Hélio Pitanga (diretor), Marco Abujamra (diretor e produtor), Marise Farias (produtora e cineasta) e Fernando Trevas (professor e pesquisador).

Moderador: Walter Galvão (jornalista)

Local: Auditório do Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

14H00 SESSÃO ESPECIAL: HOMENAGEADOS: DIRETOR ROBERTO FARIAS

Roberto Carlos em Ritmo de Aventura (FIC, RJ, 1968, 100 min, 12 anos), de Roberto Farias

16h00 – Sessão Especial: Energisa – Memória do Cinema Brasileiro

Humberto Mauro (DOC, RJ, 2018, 90 minutos, livre), com apresentação do diretor André di Mauro
Local: Auditório do Hotel Nord Luxxor Cabo Branco

 

20H00 SOLENIDADE DE HOMENAGEM

Troféu Aruanda Roberto Farias – Pela Contribuição e Amor ao Cinema Brasileiro que será recebido pela cineasta e produtora Marise Farias (filha do homenageado).

 

Exibição Hors Concurs do curta-metragem Dá Licença pra Contar, de Pedro Serrano.

Filme de Encerramento:

 

Exibição do longa-metragem: Roberto Carlos a Trezentos Quilômetros Por Hora, de Roberto Farias

Solenidade de Premiação.

Local: Cinépolis – Sala Macro XE (9)

FONTE: Divulgação