Risco Imediato

Do mesmo autor do roteiro do genial “Antes que o diabo saiba que você está morto”

por

09 de abril de 2015

Sabe aqueles thrillers redondos com início, meio e fim e sem nenhuma surpresa que você assiste aos montes em reprises na televisão? Risco Imediato (Good People, 2014) é assim. Dirigido por Henrik Ruben Genz, um dinamarquês especialista em séries de TV, o filme não apresenta nada que ninguém tenha visto antes.
Vejamos a trama: Anna e Tom, um jovem casal de americanos (as boas pessoas do título original) com sérios problemas financeiros, acham uma sacola de dinheiro no apartamento alugado de um inquilino morto por overdose de drogas e decidem ficar com ela. Mas acabam sendo vitimas de uma briga entre traficantes rivais e terão que lutar pela sua sobrevivência.

risco01

A maior ironia é descobrir que o roteiro foi escrito por Kelly Masterson , o mesmo cara que escreveu o genial “Antes que o diabo saiba que você está morto” de 2007 dirigido pelo mestre Sidney Lumet. Aqui a história é completamente previsível e sem intensidade, e o que é pior: coalhada de furos e buracos homéricos. A direção de Genz não ajuda em nada. Ele reforça os estereótipos e faz questão de fazer o dever de casa direitinho sem se importar com uma elaboração dramática original e consistente. Assim temos um detetive baleado semi moribundo, que sai do hospital como quem vai para o trabalho, apenas para cumprir seu dever cívico e um casal comum que se comporta como investigadores profissionais frente à frente com perigosos traficantes internacionais. O elenco faz muito pouco e parece saber disso. O casal James Franco e Kate Hudson não agrega nenhuma qualidade excepcional aos seus personagens, assim como Omar Sy que desperdiça seu talento como um caricato traficante (o ator senegalês brilhou como Driss no filme francês “Os Intocáveis” de 2011). Somente Tom Wilkinson consegue algum destaque como o atormentado detetive Halden que busca vingança pela morte da filha.

risco03

Hibrido do cruzamento de uma linhagem aberta por Hitchcock e alguns filmes da série James Bond (salientado pelas locações londrinas e a canção que encerra os títulos finais), Risco Imediato (Good People) é medíocre e passível de esquecimento a partir do momento que as luzes do cinema se acendem. No entanto é bem produzido e certamente vai servir de entretenimento ligeiro para os não muito exigentes.


Risco Imediato (Good People)
Eua, Reino Unido, Suécia, Dinamarca, 2014. 90 min.
Direção: Henrik Ruben Genz
Com: James Franco, Kate Hudson, Tom Wilkinson, Omar Sy, Maarten Dannenberg


Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/almanaquevirtual/www/wp-content/themes/almanaque/single.php on line 52