SOBREVOAR- Santos Dumont para Crianças

Encenação traz a grife da Cia do Abração/PR, uma das melhores do Brasil, vencedora de mais de uma dezena de Prêmios de Teatro Gralha Azul

por

28 de abril de 2015

Sobrevoar - Fotos Lauro Borges - Cia do Abracao5

A integração de diversos elementos artísticos é um dos pontos altos na qualidade do trabalho da Cia do Abração

Entre travesseiros, edredons, chapéus e uma cama mágica, o menino dialoga com instigantes personagens: os engenheiros do sonho, que habitam o seu imaginário, uma lagarta que sonha voar até a lua e as figuras desafiadoras da “Dúvida”, da “Curiosidade”, da “Vaidade” e da “Coragem”, além de incrédulos franceses que se dobraram depois de Dumont contornar a Torre Eiffel com o Dirigível nº 6 e realizar o primeiro vôo dirigido da história.

Assim é o espetáculo “Sobrevoar – Santos Dumont para Crianças”, da trupe curitibana Cia do Abração, que faz curta temporada na CAIXA Cultural Rio de Janeiro, nos dias 08 a 10 de maio, às 16h. Nesta montagem o público infantojuvenil conhecerá Santos Dumont criança, na figura do menino Albertinho Dumundo: um brasileiro inventivo e destemido. Como tantas outras crianças, ele vive em uma dimensão atemporal de sonho onde, após inúmeras tentativas, quedas e muita coragem para recomeçar, consegue realizar o seu desejo de voar.

Sobrevoar - Fotos Lauro Borges - Cia do Abracao8-2

O construir, desconstruir e reconstruir imagens é uma das características marcantes da Cia curitibana de teatro para a infância e juventude

Sexto espetáculo da Cia. do Abração, “Sobrevoar- Santos Dumont para Crianças” tem direção de Letícia Guimarães e traz no elenco João Victor Theotônio, Kamila Ferrazzi, Juliana Cordeiro e Edgard Assumpção. O texto foi produzido coletivamente pelos atores, com supervisão de dramaturgia de Letícia Guimarães. A peça é uma parceria com a Céu Vermelho Produções.

A Cia. do Abração é um espaço de arte e cultura, que atua em Curitiba (PR) há 14 anos e já produziu 11 espetáculos. Além da dança e das artes visuais, o grupo trabalha e investiga as técnicas de manipulação de objetos, mímica, produção sonora e conhecimentos da antropologia.

FICHA TÉCNICA

Produção: Cia. Do Abração

Produção Local: Ricardo Schöpke/Cia. Boto Vermelho

Direção: Letícia Guimarães

Composição e Direção Musical: Karla Izidro

Texto: criação coletiva sob supervisão de Letícia Guimarães

Cenografia: Blas Torres e Marcelo Scalzo

Figurino: Maureen Miranda

Iluminação: Anry Aider

Fotografia: Lauro Borges

Elenco: João Victor Theotônio, Kamila Ferrazzi, Juliana Cordeiro e Edgard Assumpção

Patrocínio: Caixa Econômica Federal e Governo Federal

SERVIÇO:

Duração: 50 minutos

Data: 8 a 10 de maio de 2015 (sexta-feira à domingo)

Horário: 16h

Local: CAIXA Cultural Rio de Janeiro – Teatro de Arena

Endereço: Av. Almirante Barroso, 25, Centro (Metrô: Estação Carioca)

Telefone: (21) 3980-3815

Ingresso: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia). Além dos casos previstos em lei, clientes CAIXA pagam meia.

Bilheteria: terça-feira a domingo, das 10h às 20h

Lotação: 84 lugares (mais dois para cadeirantes)

Classificação indicativa: Livre

Acesso para pessoas com deficiência