Tatuagem é o representante brasileiro no Prêmio Goya

O filme do pernambucano Hilton Lacerda vai disputar uma vaga na cobiçada premiação espanhola.

por

09 de outubro de 2014

Com cerca de 20 prêmios já na prateleira, nacionais e internacionais, o ousado Tatuagem (2013) acaba de ser indicado para representar o Brasil no prestigiado Prêmio Goya, organizado pela Academia das Artes e Ciências Cinematográficas da Espanha. Se aceito, o longa de Hilton Lacerda vai concorrer na categoria Melhor Filme Ibero-Americano, neste prêmio que é um dos principais da região e está em sua 29ª edição.

tatuagem

Para quem ainda não teve a oportunidade de assistir, o filme marca a estreia do cineasta pernambucano em longas de ficção. A história se passa no final da década de 1970 e acompanha as mudanças na vida de um líder de uma trupe de teatro anarquista (Irandhir Santos), quando ele se apaixona por um soldado do exército, interpretado por Jesuíta Barbosa.

Tatuagem ganhou mais de um prêmio Festival de Gramado 2013, entre eles Melhor Filme, e também no Festival do Rio do mesmo ano, onde conquistou Melhor Filme pelo Voto Popular, além do Prêmio FIPRESCI e Prêmio Especial do Júri, entre outros. Se você já está na torcida pelo cinema nacional, anote aí o dia da cerimônia do Goya: dia 8 de fevereiro de 2015, na cidade de Madri.