Thelminha Vs Mari e o racismo estrutural no BBB 2020

BBB é metalinguagem antropológica da sociedade dentro e fora do programa

por

24 de março de 2020

Screenshot_20200321-232808_Google

Continuando a se falar sobre a relação fortaleza e vulnerabilidade…

Comecei falando sobre a força na vulnerabilidade do Babu na prova do Anjo. Agora vamos falar de Thelma e Mari na Prova do líder.

Tiago já havia comunicado à Thelminha e Mari que ambas estavam imunes! Agora elas só disputavam a liderança, mas não sabiam que se esperassem até às 10h30 da manhã, a prova seria encerrada e elas teriam apenas de decidir quem ficaria com a liderança e qual ficaria com R$ 10.000,00!

Mari demonstra que está pensando em desistir… a conversa está parecendo priorizar a determinação da Thelma em não querer abrir mão dessa (como disse Prior mais cedo: essa prova depende do outro pra ganhar….a sua determinação só te leva até onde o outro cair ou desistir….ou desmaiar!). Mari está pensativa… não quer abrir mão do privilégio do Líder….mas sabe que Thelma não sai dali a não ser retirada numa ambulância, pois ela própria disse. Thelma é médica! Provavelmente já passou por plantões terríveis! Thelma está plena. Nada irá abalá-la. Mari já declarou que queria a liderança por causa da festa… Thelma pensou na família primeiro! Não é só uma questão de motivação, mas de determinação. Dois pesos duas medidas em relação ao que se tem a ganhar e o que se tem a perder.

Neste momento, elas começam a “jogar”. Elas não sabem que se aguentarem mais algumas muitas horas podem ganhar 10 mil reais em troco da liderança. Então o cansaço vira poder de barganha. Mais de 24h de prova! Já estão como 5° colocação de prova de resistência mais demorada (o recorde foi de 42h na 18° edição, pois fui verificar). Mari poderia abdicar do privilégio da liderança se tentasse barganhar com Thelma a condição de esta não votar em sua amiga Flay para sair da casa… Mari sabe que Thelma está bastante chateada com Flay (na última votação, Thelminha NÃO votou na Flay por extrema empatia quando as duas foram colocadas juntas no castigo do “monstro”, mas Flay não concedeu a mesma cortesia de compreensão e votou na parceira de castigo apenas achando que estaria agradando as patricinhas da casa — sendo que nenhuma das duas precisa deste arquétipo para sobreviver dentro da casa e oferecem mais subjetividades do que isso!).

Mari tenta jogar verde… Thelma também, oferecendo o almoço do dia do cinema se ela ganhar a liderança, mas não chegou a oferecer o VIP pra Mari. Já Mari nem tem oferta de barganha pra Thelma porque sabe que a determinação dela não desistirá por nada! Mas sabe que pode oferecer sua desistência em troca de ganhar alguma coisa com isso… Tenta garimpar com Thelma se ela pouparia Flay….Thelma permanece honesta a si mesma e coerente com suas atitudes, e fala que não pode prometer nada, só que vai refletir bastante sobre essa decisão e que tentará ser justa.

Não é uma disputa de resistência e sim de determinação contra os privilégios.

Meu voto vai na Thelminha. Nada pode afastar uma pessoa determinada de sua motivação! E se Thelma ganhar a liderança será o cenário mais interessante do jogo… Quem vocês acham que ela vai levar para o VIP?! Rafa, Manu e Gabi… Ou Marcela, Gi e…Ivy (esta então já deixou bem evidente que não gosta dela)….e Daniel muito menos, lógico (que foi justamente o pivô se fazendo de desentendido da cisão do grupo hippie, quando castigou sem dó a Thelminha no último “monstro”). Ou será que Thelma leva Babu pro VIP….?!

Atualizado: Thelminha ganhou com 26h!

#bbb #bbb20 #bbb2020

Agora quero falar de outro lado… De quem anda se fingindo de vulnerável para forjar uma suposta fraqueza que gere empatia…piedade…quando na verdade essas pessoas estão manipulando o jogo e seus próximos. Sim, estou falando de Mari e Daniel e o famoso “choro de falsidade” para gerar peninha: solidarização pela piedade.

Vou começar pelo mais fácil e óbvio: Daniel é muito mais calculado e fake do que seu comportamento imbecilizante parece dar a entender. Vários marcadores o denunciam. Desde o falso desmaio na prova do líder e a imediata revolta logo depois que levanta (que resultou em simpatia até de Babu, que não teria razão nenhuma para tolerá-lo após mil discriminações contra ele). Quando soube que estaria no paredão, Daniel já chorou, pediu pelo psicólogo da casa (diante da única que ainda lhe dá atenção, que não é nem sua namorada Marcela, e sim a outra fake: Ivy)… Tudo para tentar angariar compaixão que ele já deve ter percebido não gerar nenhuma… porque quando pôde demonstrar o mesmo por outrem, NÃO O FEZ! Agora colha o que plantou! Recolha seus cacos e saia do programa. Espero que a prova do bate e volta seja de raciocínio, pra que ele não consiga se livrar do paredão.

Enquanto isso…, Mari se revelou! Ainda mais, na verdade! Não que ignorássemos o quanto fosse falsa. Já era antes, continua agora. Perdeu suas amizades e passou a implorar por afinidade com quem a descarta diariamente. Já se voltou até contra a única que lhe tem lealdade, a Flay (sendo que Flay também correu atrás do ex-grupo hippie por perdão, mas pelo menos já caiu em si e fez um ótimo discurso quebrando a própria hipocrisia).

Mari se fez de coitada e tentou ganhar em sua derrota na prova do líder, da qual saiu vitoriosa Thelminha, por mérito total. Mari jogou o mérito de Thelma pra escanteio e se fez de “white savior”, como se tivesse entregado a vitória para a concorrente! Não foi assim! Mari perdeu. Ponto final. Ela entregou os pontos. Quando soube que ganhara a imunidade, desistiu da liderança mesmo sabendo que Thelma foi honesta e falou abertamente que poderia indicar a parceira de Mari para o paredão: a Flay! Aí, uma vez derrotada, Mari tentou conquistar a empatia da casa através de vitimização, e tentou distorcer a vitória de Thelma.

Porém… Mari não fez nenhum favor. Thelma não aceitou as tentativas de barganha da outra. Foi sincera. Ganharia quem resistisse mais. Mari desistiu porque quis! E não para beneficiar a Thelma. Provavelmente se arrependeu, e, para ficar bem com Flay (que evidentemente estará ameaçada) e para não ficar mal com a casa… E aí Mari tentou contaminar a casa contra Thelma, cuja relação já estava abalada… Muito feio. Lágrimas de crocodilo as da Mari. Não são de força. São de subterfúgio… São de desídia. E isto escancara as fraquezas da casa. E não sua força.
#bbb #bbb20 #BBB #bbb2020

Screenshot_20200320-233344_Instagram