A Morte Te Dá Parabéns

Nova produção da Blumhouse investe no resgate do subgênero slasher misturado com comédia

por

13 de outubro de 2017

A Blumhouse Productions vem investindo pesado desde 2009 em filmes de suspense e terror, gêneros pouco valorizados e esnobados em premiações. Seu mais novo investimento é uma tentativa de resgatar o slasher, subgênero do terror dos anos 90 que tem a franquia “Pânico” como seu maior expoente. Dirigido por Christopher Landon (“Atividade Paranormal: Marcados pelo Mal” e “Como Sobreviver a um Ataque Zumbi”), “A Morte Te Dá Parabéns” é uma mistura de “Pânico” e o recente “Antes Que Eu Vá”, mais do que com o clássico “Feitiço do Tempo”. O longa-metragem gira em torno da jovem universitária Tree (Jessica Rothe), que é assassinada no seu aniversário e revive este dia várias vezes, enquanto tenta desvendar o mistério em torno de sua morte para reverter a situação antes que seja tarde demais.

A Morte Te Dá Parabéns2

O roteiro de Scott Lobdell, por se inspirar bastante em “Antes Que Eu Vá”, trabalha bem o aprofundamento da protagonista, mostrando seu amadurecimento e a tentativa de se tornar uma pessoa melhor em meio ao caos do inesperado looping temporal, além de acrescentar um romance com o nerd fofo Carter (Israel Broussard), apaixonado pela menina linda e popular, mas sem tratá-lo como prioridade no enredo. Há muitos clichês de gênero em “Happy Death Day” (no original), mas que não incomodam por serem bem utilizados e acrescidos de bons momentos de humor, que incluem diversas maneiras, algumas inusitadas, para Tree morrer.

A Morte Te Dá Parabéns3

O maior problema do filme é a falta de explicação para a ocorrência da repetição do mesmo dia na vida da garota, bem como o assassino mascarado, um ser humano comum, conseguiu fazer com que isso acontecesse. Porém este é um longa que assumidamente não se leva a sério e solta, inclusive, uma piadinha sobre a similaridade com “Feitiço do Tempo”, então tais questões acabam sendo atenuadas dentro do todo. Apesar da perda do timing de estrear numa sexta-feira 13 porque as estreias no Brasil ocorrem às quintas-feiras, “A Morte Te Dá Parabéns” ainda tem a vantagem de chegar às telonas no mês do Halloween e deve agradar aos fãs do gênero. Vale dizer que este é mais um exemplar que sofre com um trailer que entrega demais, então é melhor evitar assisti-lo antes de ir ao cinema. Ah, e prepare-se para ficar com uma musiquinha na cabeça por algumas horas.

 

A Morte Te Dá Parabéns (Happy Death Day)

EUA – 2017. 96 minutos.

Direção: Christopher Landon

Com: Jessica Rothe, Israel Broussard, Charles Aitken, Rachel Matthews e Ruby Modine.

Avaliação Raíssa Rossi

Nota 4