Festival de Cannes 2019: Feijão com cinema latino na Côte d’Azur

Evento acontece até o dia 25.

por

17 de maio de 2019

A América Latina fez bonito nas mostras paralelas à disputa pela Palma de Ouro. Na Quinzena dos Realizadores, o Peru se destacou com “Canción sin nombre”, drama P&B de Melina León. É uma viagem à década de 1980, a partir de um tragédia peruana: uma onda de rapto de bebês. Uma jovem corre atrás do neném raptado, com a ajuda de um jornalista. Já na Semana da Crítica, a Colômbia meteu um golaço com o belo “Litigante”, tratado sobre empoderamento feminino, dirigido por Franco Lolli, sobre as múltiplas tarefas de uma advogada numa rotina de mil cansaços cotidianos.